sexta-feira, 12 de junho de 2009

novamente o muro de Porto Pim

Não, não é o muro de Porto Pim que aparece na fotografia, mas sim uma imagem de parte do complexo das piscinas das salinas de Câmara de Lobos (Madeira) do arqº Paulo David. A fotografia é do Fernando Guerra e poderão encontrar mais imagens em
Resolvi apresentar esta fotografia porque a mesma mostra-nos um muro com as mesmas características do muro de Porto Pim (o troço mais baixo). Senão vejamos, ambos são constituídos por dois panos sendo o exterior em pedra de basalto e o interior em betão armado.
Porque é que este resulta bem e o de Porto Pim parece uma intervenção à antiga Junta Autónoma de Estradas? Bom, para começar este foi projectado por um arquitecto, ainda por cima um excelente arquitecto. O de Porto Pim foi projectado por um engenheiro civil. Este tem um acabamento que procura dar continuidade à envolvente. O de Porto Pim está em betão envernizado pelo que não se pode dizer que seja discreto e ainda menos integrado.
Poderia continuar a expor mais diferenças mas o importante é que quem falhou foi o promotor desta intervenção porque aobordou o problema da pior forma que foi intervir sem ter em conta o facto de se tratar de um Monumento Nacional, ignorando os pareceres da entidade do Governo Regional que avalia estas intervenções, não consultando a população sobre a intervenção e finalmente ignorando os avisos e alertas por parte de profissionais da área relativamente aos erros que estavam a ser cometidos.
O mais triste é que tudo isto podia ter sido evitado e se o processo tivesse sido feito da forma correcta não creio que tivesse ficado mais dispendioso e ter-se-ia dado um bom exemplo em vez de se ter dado esta imagem de incompetência e arrogância que fica após esta intervenção.

2 comentários:

nanda disse...

Não consigo perceber como tudo isto pode acontecer! E, lá está um muro de vergonha.

Aurora disse...

há coisas pensadas
e coisas remendadas